Depois de existirem processos em tribunal com alegadas dívidas a bancos, o Tugaleaks sabe que existiu uma dívida à ONI e que por este motivo os serviços da NFSI podem ter sido desligados temporariamente ontem.

Outrora uma empresa de referência no housing de servidores em Portugal. NFSI Telecom, que também vende serviços sob a marca Rackspot foi durante mais de uma década uma referência Portuguesa de excelência.
Hoje, tem três ações contra a empresa, uma de um banco que tenta chegar a acordo financeiro sobre uma tentativa de conciliação.

 

row-of-servers-with-blue-leds-google-data-center-douglas-county

 

As dívidas são também a causa provável da cedência dos clientes que eram alojados pela ONI, no seu datacenter na Matinha, em Lisboa, há alguns meses.
Embora o Tugaleaks tenha tido acesso á carta de cedência, isto não impediu a ONI de desligar ontem os IPs que pertenciam à NFSI.
Conclusão: milhares de clientes ficaram sem sites, pois existia ainda quem não tivesse mudado os seus IPs.

Existe também a informação de que poderá ter sido um problema de hardware de conectividade, ainda não confirmada.

 

Carta da cedência de clientes:

 

cedencia_oni

 

Encontrámos três ações judiciais intentadas contra a empresa, uma deles com um banco, onde existe a tentativa de cobrança de, na sua totalidade, quase 300 mil euros:

acoes_judiciais_nfsi

 

WebHS afetada

Quando ontem foram desligados os IPs da empresa NFSI junto do datacenter da ONI na Matinha, a empresa WebHS foi a mais afetada.
Junto da página oficial no Facebook viam-se várias reclamações. Uma, dizia que a WebHS já sabia da situação há duas semanas, que garantiu o serviço e que agora está a agir á pressa para resolver a situação.

A própria WebHS chegou a culpar a NFSI neste post, que editou posteriormente removendo essa informação, mas cujo print informático foi guardado pelo Tugaleaks:

webhs_nfsi

 

Se a NFSI cedeu a carteira de clientes e a ONI era muito provavelmente a responsável, este operador desligou os IPs da NFSI e, deixando vários clientes de housing sem serviço, colocou a empresa WebHS em sérios problemas com os seus clientes finais.
Por outro lado, a WebHS já sabia do término dos serviços da NFSI, tanto é que o Tugaleaks tem cópia do e-mail enviado pela ONI aos clientes de housing a indicar tal situação, datado de 18 de Novembro e enviado por Artur José Silva, da ONI.

O Tugaleaks contactou a NFSI e a ONI que não responderam. A WebHS prometeu um comunicado “para as próximas 24 horas”.

 

Entretanto, milhares de clientes com sites alojados em Portugal ficaram prejudicados. Embora os serviços estejam já operacionais, o downtime de várias horas pode voltar a acontecer brevemente.

Comentários

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ver
Esconder