#ACAPOR ameaça processar Partido Pirata

A Exame Informática adianta numa notícia que “Nuno Pereira, presidente da ACAPOR, duvida que o Partido Pirata Português tenha apresentado queixa da associação na PGR: “E se fizerem isso seguimos logo com uma queixa de denúncia caluniosa”.”. Esta notícia vem desde já provar a imaturidade das declarações proferidas ao longos destes últimos meses pela ACAPOR. Ora, se ele desconhece a queixa, como é que “e se fizerem”, “avançamos logo”? É algo extremamente grave.

A mesma notícia refere ainda que “O presidente da ACAPOR considera que as queixas de pirataria apresentadas com base nos números de IP não violam a lei portuguesa.”. Mau Maria! Então afinal eles ligaram-se ONDE exactamente para obter essa informação. A um sistema que eles próprios dizem ser ilegal. E o meu endereço de IP pode ser identificado pelo meu ISP. Estando-me a identificar a mim sem autorização, passa a ser crime. Estes gajos são, um bocadinho, mas só um bocadinho, sem sentido.

O site do Partido Pirata Portugues afirma com bases em legislação que tudo o que está a fazer é legal, e por cá o Tugaleaks concorda e dá apoio! 🙂

Ver
Esconder