Berlusconi sabia que acompanhante era menor, segundo imprensa

O primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, sabia que a jovem marroquina Karima el Mahroug, conhecida como Ruby R., era menor de idade quando a convidou em repetidas ocasiões para suas festas privadas, informaram nesta segunda-feira os meios de comunicação italianos.
O jornal “La Repubblica”, que não cita fontes determinadas, indicou que a informação foi relatada por pessoas que tiveram acesso à documentação da investigação conduzida pela Promotoria de Milão, na qual Berlusconi é indagado por suposta incitação à prostituição de menores e concussão (coerção exercida por funcionário público) pelo chamado “caso Ruby”.

Continuar a ler

Ver
Esconder