Na Internet há um pouco de tudo. Como criar nomes e moradas falsas, Facebooks falsos e até cartas de condução nos USA.

 

Como criar uma identidade falsa na Internet

 

É um dos muitos sites do género que existem na Internet. Infelizmente os nomes não são Portuguesas, mas as moradas são. E algumas existem mesmo.
O Google levou-nos até ao site Fake Name Generator. No site logo à vista podemos observar três opções para escolher o nome, o género, e o país onde estamos. Resolvemos escolher a género “random”, uma pessoa do Brasil (pois não é possível gerar nomes para Portugal) e o país Portugal. De entre várias tentativas, conseguimos chegar ao nome Gabrielle Melo Martins, uma senhora de 72 anos que vive em Quintas. A localidade existe, a morada também.

 

Para além do nome

O site oferece muito mais do que um nome e uma morada. Permite-nos ainda criar um e-mail falso na hora (serviço pago), termos um cartão de crédito (que é falso também), o tipo de sangue, um username e password para uso online, um cargo falso numa empresa também falsa, um veículo (marca e modelo são verdadeiros), peso e a altura. Existem ainda mais informações possíveis de obter com uma conta paga, como o número da segurança social, que, em pouco mais de 3 minutos, podem criar uma nova identidade falsa mas com alguns dados verdadeiros na Internet.

 

Como usar uma identidade falsa?

Normalmente este tipo de identidades, geradas “às três pancadas” e com origem totalmente aleatória, são usadas para comprar serviços ou servidores na Internet para atacar sites ou experiências obscuras. São ainda utilizados para registos em fóruns, sites, e outros na deepweb ou mesmo na web normal, onde dá demasiado trabalho criar um perfil falso do zero, devido à imaginação ou simplesmente a ser mais fácil carregar em alguns cliques no rato. Estes sites nunca foram perseguidos por qualquer entidade e existem vários para diferentes tipos de gostos.

 

Criar contas de Facebook falsas é também um bom método para se usar esta identidade criada anteriormente e existe uma página a explicar detalhadamente como criar uma. Infelizmente o Fake Name Generator site não tem fotos e para se criar uma conta de Facebook falsa, mas com aspecto real, é preciso ter alguns cuidados. A maioria das pessoas costuma fazer pesquisas no Google Images pela tua imagem. Por exemplo, se arrastares uma imagem para a caixa de pesquisa do Google Images consegues facilmente procurar imagens semelhantes usando a tecnologia do Google. Dessa forma, procurar ou criar uma imagem única, sobre ti, pode ser a melhor solução se pretenderes criar uma conta anónima numa rede social. O teu outro “eu” pode também viver na outra parte do mundo, pelo que deverás escolher um sítio e adicionar escolas ou interesses relacionados com aquele sítio.

Embora esta dica seja para os USA, existe até um site que explica como fazer uma carta de condução falsa. Hoje em dia, falsificar um cartão de cidadão em Portugal é complicado, embora exista uma falha conhecida nas assinaturas digitais deste mesmo cartão.

 

Conheces mais sites para criar informação falsa? Partilha-os nos comentários.

Comentários

4 Comments

  1. Desconhecia a existência deste serviço online. Este tipo de serviço só não faz sentido para o utilizador que tem essa disciplina em não deixar rasto. Qualquer um pode ter uma identidade falsa, é o que se passa comigo por exemplo, aqui, não tenho problemas em identificar-me, mas no facebook por exemplo não se chega lá com facilidade. Isto para não falar já da velha questão da mesma password para abrir tudo que a meu ver (técnico/segurança) é muito mais grave.
    Estas notícias são importantes, devia haver mais informação deste e outro género para as pessoas terem a verdadeira consciência do perigo e espaço nocivo que pode ser a Internet!

  2. Isso é treta !

    Toda a ligação tem por tras um contrato ainda que seja com o IP fixo ou dinâmico .

    As operadoras são obrigadas a arquivarem 3 meses os dados de tráfego , ou seja por onde andam e o que fazem na internet .

    Podem ser tudu na net mas na ligação principal está o vosso BI !

    Podem ir a um posto público mas podem tb ser filmados ou levarem um telemovel dentro do bolso e este localiza onde está a pessoa .

    Não tentem armar aos criminosos porque a PJ pede logo á PT a vossa identificação atraves de dados base , tráfego e conteúdo !

    Cuidado !!!

    http://cibercrime.pgr.pt/documentos/2013_04_03%20nota%20pratica%20-%20jurispridencia%20sobre%20IP.pdf

  3. 1º como em outras situaçoes na vida interessa conhecer os riscos e proceder em conformidade nao culpando o mensageiro por nao gostar do que escuta : ex: os carros matam todos os dias e todos os dias uso o meu sabendo que alguem (eu ?) vai morrer. manter a liberdade da net é uma aventura que todos devem dar prioridade, sabendo que somos espiados, enganados, pedofilizados, catequizados pelos maiores mentirosos. Mas tambem temos acesso a infromaçao que nem o mais pintado controlador do mundo governa – so se fechar tudo a chave. manter a liberdade sem nunca vacilar se queremos ter a liberdade de ser ou nao ser enganados, espiados, aprender, ser burro …

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ver
Esconder