Julian Assange: factos acusatórios

Gosto especialmente desta parte:

«[…] no dia seguinte, […] tentou iniciar uma nova relação sexual, esfregando-se contra a declarante. O Guardian sugere que Assange estava nu da cintura para baixo. Esta é a base factual para uma das acusações de “abuso sexual”, disseram em tribunal os advogados representantes do Governo sueco.»

Fonte: WikiLeaks – Julian Assange, factos acusatórios

Também é interessantge ler: Julian Assange, fundador da WikiLeaks é procurado por “sexo sem preservativo”, ou “surprise sex” e não por violação e agressão sexual

Ver
Esconder