Esta doença pode ter “consequências bem mais drásticas, pois pode matar, quer pelo elevado risco de poder levar o doente à morte súbita quer pelo risco acrescido de acidentes de viação e acidentes de trabalho provocados pela sonolência excessiva”, de acordo com o site Saúde Bem Estar.

Hospital de Santa Maria, Lisboa, capital de Portugal.

Um médico de família referencia um doença para uma consulta de triagem de apneia do sono. Os sintomas podem variar: ressomar, acordar com falta de ar, ou tantos outros.

O Portal do SNS, para esta instituição, mostra um tempo de espera de 122 dias como “tempo médio”. O que não corresponde, de todo, à verdade, se olharmos para uma marcação de consulta pedida pelo centro de saúde.

O Tugaleaks sabe que há casos em que as marcação de consulta de triagem de apneia do sono é superior a um ano, dado esse refutado perante os números oficiais do SNS para a especialidade de pneumologia.

Esta informação foi também confirmada pela recentemente criada Associação de Doentes com Apneia do Sono, cujo presidente, Carlos Capela, informou ao Tugaleaks “que é inaceitável um tempo de espera tão longo para uma primeira consulta, procedimento habitual na grande maioria dos hospitais”.

“A nossa Associação foi criada recentemente, tendo como principais objectivos não só a divulgação da doença Apneia do Sono e suas consequências, como também tentar minimizar a falta de assistência, por parte do sistema público, aos doentes com esta patologia”, informou a mesma fonte.

“Sabemos que muito ainda existe para fazer, e temos esperança num futuro próximo podermos contribuir para ajudar no diagnóstico desta doença, como também no seguimento dos doentes com Apneia Obstrutiva do Sono que cronicamente necessitam de utilizar um aparelho para dormir”. É por isso que, a associação recentemente criada está neste momento “a tentar partilhar um espaço em Lisboa, de modo a podermos prestar apoio aos associados”·

Um serviço que devia se assegurado pelo SNS mostra-se claramente ineficaz, fazendo com que associações com poucos recursos façam muitas vezes o papel do Estado nestas condições.

O Tugaleaks tem tentado contactar o Gabinete de Comunicação do Hospital de Santa Maria desde final de agosto, não tendo obtido resposta.

Como antecipares a tua consulta

Se achas que a sua consulta é urgente, deves em primeiro lugar solicitar um relatório médico à tua médica de família onde especifique o pedido de urgência, com base no teu histórico de saúde.
Em seguida deves dirigir um requerimento, que pode ser por e-mail, ao responsável do serviço, anexando o referido relatório.
Se não estiveres satisfeito com o resultado da antecipação, podes ainda recorrer ao Conselho de Administração de qualquer hospital com a formalidade conhecida como recurso hierárquico, que pode ser consultada no Código do Procedimento Administrativo.

 

Conheces casos que merecem ser denunciados no Tugaleaks?
Então envia uma denúncia anónima aqui!

Foto: Pixabay

Comentários

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ver
Esconder