Além de mobilizador de multidões e de paixões, o desporto também pode ser uma boa aposta se a ideia é multiplicar o dinheiro que tem.

Segundo o estudo Sports Betting Market Size & Share Report, 2021-2028 da Grand View Research, o mercado das apostas desportivas, correntemente avaliado em 70 biliões de dólares, possa vir a atingir, até 2028, um valor global de 140 biliões de dólares.

Para além da paixão que une multidões ao fenómeno desportivo que se revela no crescente número de apostas desportivas em todo o mundo, este estudo explica explicam este crescimento explosivo com a regulamentação do mercado em vários países europeus e asiáticos, no desenvolvimento da infraestrutura digital e no aumento não só de eventos desportivos passíveis de apostas, como também do número de dispositivos móveis, a partir dos quais ocorre a maioria das apostas desportivas.

A isto é ainda importante somar o papel que os bónus oferecidos por portais especializados (bónus estes que variam dependendo da casa, e que vão desde um valor atribuído no primeiro depósito, caso do Betano Bónus, ou outros em que não é necessário qualquer depósito inicial, sendo por norma atribuindo um valor mais baixo).

Além de bónus para fomentar a experimentação, estes sites especializados disponibilizam aos jogadores ou a quem se está a iniciar nas apostas online, dicas, reviews, comparações entre as várias casas de apostas autorizadas em Portugal (se por acaso pretende comparar as odds da Betano com a ESC Online), formas de pagamento e levantamentos, e inclusive informação muito importante sobre o jogo responsável.

Ainda que, nos primeiros seis meses de 2020, a categoria das apostas desportivas tenha estado quase em stand by devido ao cancelamento ou adiamento de vários eventos desportivos, a verdade é que este abrandamento foi apenas um pequeno sobressalto, uma vez que nos meses subsequentes assistiu-se a um retomar progressivo da marcha de crescimento nas apostas desportivas.

Esse foi o caso experienciado por Portugal, país onde a atividade dos jogos e apostas desportivas online está regulamentada desde 2016, embarcou numa trajetória de crescimento que vaporizou todos os indicadores do período pré-pandemia.

 

Portugal ultrapassa os mil milhões de euros em volume de apostas desportivas no conjunto dos nos primeiros nove meses de 2021

De acordo com o último relatório do Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos (SRIJ), entidade que supervisiona e regula a atividade de jogo online em Portugal, até 30 de setembro, o volume total de apostas na categoria de apostas desportivas online ascendeu a 1025,6 milhões de euros, o que traduz um significativo crescimento de 55,6% face a igual período de 2020.

Este aumento exponencial no volume total de apostas desportiva online, acabou por se estender, de igual forma, às receitas brutas, item que, no conjunto dos três trimestres do ano, se cifraram na ordem dos 186,3 milhões de euros, o que significou um aumento de 88,5 milhões em relação a igual período do ano passado, altura em que esta categoria registava 97,8 milhões de euros em receitas brutas acumuladas.

 

Futebol lidera a preferência dos apostadores portugueses

Neste crescimento das apostas desportivas a nível global, o papel do Futebol é fundamental.

Tal como acontece na maior arte dos países mundiais onde as apostas desportivas online estão legalizadas, quando alguém faz uma aposta desportiva em Portugal, o mais provável é que vá depositar as suas esperanças de sucesso no Futebol.

Amparando-nos, novamente, no relatório do SRIJ, verifica-se que o Futebol foi a modalidade desportiva onde se verificou o maior volume de apostas, representando, só no 3º trimestre de 2021, 82,1% do total de apostas desportivas efetuadas.

Em termos de competições desportivas, a Primeira Liga portuguesa e a UEFA Champions League repartem as preferências dos apostadores portugueses representando, cada uma, 10,1% do volume total das apostas efetuadas na modalidade, seguidas da La Liga espanhola e da Premier League inglesa com, respetivamente, 5,1% e 4,4%.

No segundo lugar, mas já longe do Futebol, encontra-se o Ténis, modalidade que captou 13,29% do total das apostas e onde competições como o Open dos Estados Unidos e o Open de Wimbledon com, respetivamente, 18,4% e 8,4% do total do volume total das apostas foram os eventos mais atrativos para os apostadores portugueses.

Uma última nota para o número de apostadores (apostadores que realizaram pelo menos uma aposta em apostas desportivas online ou jogos de fortuna ou azar online) que, de acordo com o documento do SRIJ, a 30 de setembro de 2021 tinha ultrapassado, no conjunto dos primeiros nove meses do ano, os 2 milhões (2,075), mais 743 mil apostadores do que em igual período de 2020 (1,332).

Deste número, 792,6 mil foram portugueses que colocaram o seu dinheiro unicamente em apostas desportivas online, número a que se somam os 710,5 mil que se dividiram entre apostas desportivas online e jogos de fortuna ou azar online.

Ver
Esconder