Vários militares da GNR são vistos no vídeo a baterem em homem algemado. Chegam a ser mais de cinco militares “contra” um homem algemado e caído no chão.

As imagens podem chocar os mais sensíveis.

Filmado alegadamente na zona de Olhão no dia 11 de Outubro pelas 16h, o vídeo, que já teve mais de 220 mil visualizações, mostra vários militares a baterem brutalmente num cidadão já detido.

Publicado com a mensagem “Quando a Polícia pensa que ninguém está a ver” e “Cobardia a 100%”, os autores da página “ALGARve SecreT” mostraram o vídeo que, com mais de 2500 partilhas, está a revoltar quem o vê.

O vídeo tem a duração de pouco mais de um minuto e mostra dois militares inicialmente, tendo um outro aparecido a correr entretanto. Chega posteriormente um carro que claramente se verifica ser da GNR com dois militares e por fim mais um militar.

Todo este dispositivo para controlar um homem que na imagem dá a sensação de estar já algemado.

Assiste ao vídeo aqui:

 

O Tugaleaks contactou o Gabinete de Imprensa da GNR para obter uma reação ao vídeo, tendo o Major Marco Cruz, chefe da divisão, indicado que “A Guarda Nacional Republicana informa que tem conhecimento do vídeo identificado, encontrando-se em curso processo de averiguações interno, no sentido de apurar todas as circunstâncias deste mesmo vídeo.”.

Outras matérias sobre a GNR

O Tugaleaks tem dedicado parte do seu foco em por a nu várias irregularidades e ilegalidades dentro da guarda. Além do vídeo aqui divulgado, fica a conhecer outros casos que em nada dignificam esta força militar:

 

Conheces outras situações semelhantes?
Denuncia-as ao Tugaleaks de forma anónima!

Imagem: Facebook

Comentários

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *