O Canabidiol ( de fórmula química C21H30O2), também conhecido como CBD, é um dos dois componentes canabinóides mais importantes na planta da cannabis, encontrado em proporções variadas, dependendo da cepa.

Atualmente, o CBD é o canabinóide reconhecido como tendo os efeitos mais benéficos para o tratamento de alguns sintomas e doenças e com a maior margem terapêutica; isto é, com efeitos colaterais leves em uma ampla gama de doses. Em geral, o CBD é muito bem tolerado.

As origens do CBD remontam a 1940 no departamento de química da Universidade de Illinois nos Estados Unidos. Mas foi em 1963 que um químico da Universidade Hebraica de Jerusalém, Raphael Mechoulam, determinou sua estrutura exata. O trabalho desse especialista abriu um novo campo de pesquisa sobre a atividade farmacológica dos constituintes da maconha.

Cibdol

A Cibdol é uma empresa suíça, pioneira no uso do CBD. O Óleo de CBD Cibdol, um dos seus carro-chefe,  é um dos óleos mais puros do mercado e ´pode ser consumido em diferentes concentrações de 2,5; 5; 10; 20 e 30% de CBD.

Outro benefício do óleo CBD é que ele possui propriedades calmantes significativas. Seus efeitos substanciais para acalmar e normalizar a pele podem ajudar a minimizar problemas relacionados à sensibilidade da pele, incluindo vermelhidão e reatividade. Como todos os tipos de pele são afetados diariamente por fatores ambientais estressantes, o mecanismo calmante do CBD pode ajudar a manter todos os tipos de pele sob controle.

Os antioxidantes no CBD são uma maneira de o uso tópico ajudar a diminuir os sinais visíveis do envelhecimento. Ao combater os danos causados ​​pelos radicais livres e reduzir a aparência da inflamação, os cremes antienvelhecimento do CBD diminuem visivelmente problemas como rugas, embotamento da pele e tom de pele avermelhado.

Propriedades terapêuticas do CBD

As propriedades terapêuticas mais importantes do CBD, demonstradas com diferentes tipos de evidência são:

  • anti-inflamatório
  • analgésico
  • neuroprotetor
  • anticonvulsivante
  • antioxidante
  • anti-náusea e antiemético
  • antitumor
  • ansiolítico
  • anti-psicótico
  • redutor de apetite por heroína, cocaína e álcool
  • imunomodulador

Essas propriedades tornam o CBD usado no tratamento de várias doenças, algumas das quais são:

  • epilepsia
  • doenças neurodegenerativas (por exemplo, Alzheimer, Parkinson e Esclerose Múltipla)
  • dependências químicas
  • ansiedade
  • psicose
  • desordem do espectro autista
  • doenças inflamatórias crônicas como poliartrite crônica, doença de Crohn, doença inflamatória intestinal,
  • quimioterapia acompanhante
  • tratamento antitumoral

Além de seus usos terapêuticos,  o CBD também é recomendado como complemento alimentar.

O CBD no campo da estética

Estudos mostram que o canabidiol possui propriedades anti-acne, antioxidantes e analgésicas.

Da planta se extrai o óleo de semente de cânhamo (que possui até 80% de ácidos graxos essenciais, uma das percentagens mais altas entre os óleos vegetais conhecidos no mundo), além de terpenos, esteróis e vitamina E, ingredientes essenciais para a manter a pele hidratada e equilibrada. 

Efeitos colaterais do CBD

O óleo CBD vai me deixar chapado? Não, claro que não.

Entre os efeitos adversos, geralmente leves a moderados, ao usar o CBD em doses terapêuticas, podem ocorrer cansaço, sonolência, boca seca, dores de cabeça, tontura e diminuição do apetite. Em geral, melhoram com a redução da dose de CBD e desaparecem quando a administração é suspensa.

Comentários

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ver
Esconder