Chama-se USS Enterprise e o seu comandante não é o Kirk. Este porta-aviões foi responsável por guerras e está aqui para… ah, não se sabe.

Provavelmente está de visita ou até já saiu. Alias uma das pessoas que falou com um membro da tripulação Americano disse que estava “a visitar o nosso país”. Estamos em crise, o Presidente da República queixa-se de reformas baixas e a maioria das coisas estão em saldos. Não há muito para ver, diríamos nós em tom sarcástico.

USS Enterprise: porta-aviões de guerra atracado em Portugal

 

O que existe para ver é os media a não noticiarem nada sobre este acontecimento. O nome do porta-aviões só foi possível descobrir pela pequenina legenda desta notícia que dava conta de portugueses a bordo do navio.

Este é um navio de guerra com capacidade para mais de 5.000 tripulantes, alcance ilimitado em termos do seu armamento, pesa cerca de 94 toneladas e pode conter entre 70 a 90 helicópteros ou similares.
Foi um dos porta-aviões “chave” na guerra do Vietnam. Mais recentemente, atacou a Al-Qaeda, esteve no Irão, Iraque, Golfo Pérsico, etc.

A notícia nos media saiu 5 dias depois da embarcação estar em solo Português. Os media a fazerem um mau trabalho, ou algo que realmente não se devia saber?
Como se pode ver, o acesso à embarcação não é fácil, tendo em conta as fotos que foram tiradas no local e que o Tugaleaks recomenda ver.

no images were found

Download das fotos

Fica o mistério…

Comentários

19 Comments

  1. Grande bixo fogo…..
    94 toneladas, 5.000 tripulantes e pode conter entre 70 a 90 helicópteros ou similares, fogo!
    Devem de estar a coca de alguma coisa, estarem de visita é que nao é de certeza!!!
    😀

  2. Esta “notícia” não tem pés nem cabeça. O porta aviões não é o USS Enterprise, é o USS Bataan, Não desempenhou nenhum papel na guerra do vietname ( pois só foi construído em 1994)

    Se repararem a notícia de onde tiraram o nome do porta aviões é de 2011, e nessa altura sim, era o USS enterprise.

  3. Este veio da libia agora.

    Deve tar a preparar-se para ir para o irão…

    segundo o Michael Rivero, israel bem pode atacar este barco (uma vez que está para ser desmantelado daki a 3 anos).
    O ataque a este navio por parte de israhell servia para culpar os Iranianos pelo ataque, tendo assim uma razão para invadir o irão (tão mortinhos para o fazer).

    Este navio tem reactores nucleares, e em 3 anos os estados unidos vão gastar uma pipa de massa para o desmantelar, assim servia os 2, israhell via o seu imaginario inimigo ser atacado, a america livrava-se de uma dor de cabeça… é o chamado varrer o lixo para o quintal do vizinho.

    http://youtu.be/YT1ZFqU0tLw

  4. Pois realmente foi um grave problema dos media…especialmente o vosso. Deviam fazer um pequeno “estudo” antes de publicar aqui o que quer que seja. Primeiro isto não é o USS Enterprise, mas sim o USS Bataan. E veio a Portugal fazer uma escala técnica antes de rumar de volta aos E.U.A.. Esclarecidos? E sim os Americanos podem ser feios porcos e maus e não ter respeito nenhum pela vida humana (como quase ninguém tem por este mundo fora) mas parem com as teorias da conspiração que já começam a ser ridículas.

  5. os portugueses podia desmanchar o navio e vende.lo já que estamos em crise, acredito que 94 tonelas de aço dariam algum dinheiro

  6. Caro amigo Alcobia, como o porta aviões e os tripulantes e tudo o resto é de PLÁSTICO”, o porta aviões só pesa realmente as tais 94 toneladas. Olhe que até as panela e as frigideiras são feitas de plástico.

  7. ao se ler algo no tugaleaks, espera-se notícias sobre conspirações, segredos e mentiras, cujos intervenientes sejam figuras influentes da nossa sociedade.

    Não esperava é ler uma papagaiada de todo o tamanho, sem qualquer fundo de verdade, e postada sem primeiro ter de alguma forma tentado confirmar os factos antes de deixar o leak.

    Lamentável.

    Já agora, para conhecimento, os porta aviões americanos ficam sempre na foz do rio. NãO CONSEGUEM PASSAR DEBAIXO DA 25 DE ABRIL.

  8. ja disse que a crise foi nventada pelos ladroes dos ricos que pediram milhoes de euros á banca gozaram á grande e depois inventaram a crise como doenca na net para nao a pagarem a crise quem tem sao os pobres esses é que vivam sem vida chorando dia a dia que passa ate Deus não arrebentar com esses que estão cheios de tudo off shores contas grandes na europa e principalmente a suiça com tanto patrimonio carros de luxo ,filhos dos cornos gatunos piratas sem alma e espirito fazem o limiar da pobreza para todo o pobre.

  9. 94 toneladas????
    O otário que escreveu isto esqueceu-se da palavra Mil, mais qualquer porta-aviões americano de convés do tipo gigante e com mais de 5000 tripulantes, simplesmente não tem calado suficiente para entrar no Rio Tejo, mais, aquilo era um mini porta-aviões, se tivessem reparado bem os unicos aviões no navio eram os Sea-Harrier que a marinha americana comprou aos inglêses faz 30 anos.
    O USS Enterprise tem 19.800 toneladas,ahahahah, burro , o nome do navio é Carrier Vassel 6, aquele tem um 5.
    Depois da 2º

  10. 94 toneladas????
    O otário que escreveu isto esqueceu-se da palavra Mil, mais qualquer porta-aviões americano de convés do tipo gigante e com mais de 5000 tripulantes, simplesmente não tem calado suficiente para entrar no Rio Tejo, mais, aquilo era um mini porta-aviões, se tivessem reparado bem os unicos aviões no navio eram os Sea-Harrier que a marinha americana comprou aos inglêses faz 30 anos.
    O USS Enterprise tem 19.800 toneladas,ahahahah, burro , o nome do navio é Carrier Vassel 6, aquele tem um 5.
    O CV-6 foi desmantelado e vendido, depois da 2º guerra mundial.
    Em sua honra foi construido o CVN-65 = Carrier Vassel Nuclear #65 – Enterprise
    é claro que esta foi a 1ª e ultima vez que visito a merda imcompleta que o vosso site de merda é.
    Para isso bastava ir ao site da marinha dos EUA, e fazer um pequeno estudo, mas não o burro quis ser esperto, mas não inteligente.
    Continuem a ser como eles, CONSPIRACIONISTAS….

Responder a Ilidio Vitoriano Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ver
Esconder