30 Comments

  1. O estúpido ainda não entendeu que o que esta mal é toda a industria dos media que ainda não soube se adaptar a esta realidade cada vez mais crescente. Até agora iam ignorando na expectativa que fosse apenas uma moda, mas agora o problema torna-se serio.
    Welcome to the XXI Century

  2. downloads ilegais? mas entao serei um criminoso se fizer um download de musica e nao partilhar? não tem sentido.
    isto nao vai dar em nada so se querem mostrar nos media. Ate professores e reitores de universidades fazem downloads de filmes etcs, a diferença é que estes sabem como contornar em tribunal, o zezinho-ninguem lixa-se sempre!
    Outra situação interessante é que nos routers das operadoras vêem todos configurados para redes p2p (bittorrent, emule, etc)…!! é ilegal mas vendem assim, engraçado 🙂
    Nem falo da publicidade das operadoras que nos estão constantemente a insistir na comparação de velocidades com os indicadores de quantidades de musicas/filmes por tempo! (ex: 5 filmes/ hora)
    A verdade é que não vendem ligações se não falarem em downloads "ilegais"…!!!! é pena não admitirem!
    A acapor entregou uma lista de ips que estão nas redes p2p, quanto ao download directo, ainda têem de comer muita sopinha!!

  3. Este gajo mete-me raiva. Nunca aluguei um filme no video clube e ouvia sempre dizer que nos video clube se uma pessoa pagasse a volta de 2000 escudos, ainda em escudos!!!!!, o cliente levava uma cassete gravada do filme que queria. O filho da puta deve estar a espera que, pessoas com internet até 350mB em casa que demoram minutos a tirar da net filmes com qualidade DVD e até BlueRay, vão a um video clube, a chover e a pé, alugar um filme e que se o cliente gostar espera que o mesmo lhes de X€ para que o fulano do video club grave esse filme para DVD. Isto que os palhaçoes estão a fazer chama-se BALD (Busca Ao Lucro Desesperada). Os Cabrões também fazem downloads.

  4. PARTE 1 – Este animal da ACAPOR vai-se lixar porque o maior crime desta história toda foi cometido pela seita que dirige. Violação nítida de privacidade o que pode dar cana, pena suspensa ou uma coima do camandro. Deixem-nos poisar e vão ver. Só é possível ter-se acesso aos IPs, que caçaram ilegal e porcamente, se se ligarem a um site de partilha de ficheiros e começarem, eles próprios, a sacar alguma coisa. Sem autoridade legal nenhuma para fazerem isto acabam por proceder como a bófia que se infiltra no meio de um antro de droga, para vender droga… Só que a ACAPOR não é a bófia e agora estão lixados. Crime declarado!

  5. PARTE 2 – Esta gajada parasitária tem de ser abatida sem piedade com acusações criminais interpostas por todos os que forem acusados. Uma coisa são gajos que sacam filmes aos milhões para fazerem negócio. Outra, é um cidadão normal que vai buscar um filme ou uma música em DivX ou Mp3 e tem de ir a tribunal por causa desta quadrilha. Esta seita mal-cheirosa, de que este suíno feio e gordo é o chefe, tem os dias contados. E só espero que, com os processos de tribunal que vão comer em cima do canastro, nem os ossinhos deles venham a servir de manjar aos cães raivosos e com pulgas. Porque pulgas, lêndeas e piolhos é o que verdadeiramente este animal, porco e nojento, tem a mais dentro do cérebro. Arrebentem com esta escumalha toda, carago! Deixem as pessoas em paz, seus atrasados mentais! VIVA A NET LIVRE E DEMOCRÁTICA.

  6. Diz-me lá agora, ó leitãozinho baboso da ACAPOR! O que é que te vai custar mais caro? Algum IP que leves a tribunal por sacar um filme nos torrents, ou o processo que ele te vai por a seguir por lhe violares a privacidade depois de teres cometido o mesmo crime que dizes que ele cometeu?

  7. E agora o que vão fazer?!… Quando o pessoal está a ver os filmes em directo na internet, sem fazer a descarga do ficheiro… pois é, os ignorantes deviam era ter ideias e não andarem nestas iniciativas estúpidas….

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ver
Esconder