Loading...

Realiza-se amanhã ao final da tarde um protesto frente à Procuradoria Geral da República pelo arquivamento do processo dos submarinos.

De acordo com o evento no Facebook, este protesto está marcado para as 18h de amanhã, sexta-feira ao pé do Largo do Rato.

Um dos organizadores, Rui Martins, disse ao Tugaleaks que “a ideia surgiu no mesmo dia em que se tornou público o arquivamento do dito “processo dos submarinos a 17/12/2014”.

Em paralelo com o protesto surge uma carta aberta à Procuradoria Geral da República onde se pode ler que “após oito anos, centenas de milhares de horas e de euros, dezoito volumes, e condenações por corrupção activa na Alemanha e por corrupção passiva na Grécia, a Justiça portuguesa mostra-se, de novo, incapaz de cumprir a função que todos os cidadãos exigem: o cumprimento da Lei“.

De acordo com Rui Martins, “a carta tem como objetivo exprimir (…) a perplexidade e espanto perante o arquivamento, sem levar ninguém a julgamento, de um processo que levou a condenações por corrupção activa na Alemanha e na Grécia e que assim, em Portugal, e mais uma vez, será uma prova da incapacidade das autoridades para julgarem casos deste tipo“.

Tendo em conta “as novas provas surgidas no contexto das gravações do GES“, este protesto espera que exista “uma reavaliação do arquivamento por parte da PGR” bem como esclarecer “porque foram dedicados tão poucos recursos a esta complexa investigação e porque, ao fim de tantos anos, o produto foi tão escasso”.

 

Evento no Facebook

 

pp

 

Na Grécia foram 20 anos de prisão

O Ministro da Defesa Grego na altura dos factos levou recentemente 20 anos de prisão por corrupção em processos que incluem a compra de submarinos. Nos factos, apontava-se o favorecimento de uma empresa perante outra, Francesa, que tinha uma opção mais económica.

Comentários

Loading...

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *